MANIFESTO DA DIRECÇÃO: Este blogue “www.sortesdegaiola.blogspot.com”, tem como objectivo primordial só noticiar, criticar ou elogiar, as situações que mais se distingam em corridas, ou os factos verdadeiramente importantes que digam respeito ao mundo dos toiros e do toureio, dos cavalos e da equitação, com total e absoluta liberdade de imprensa dos nossos amigos cronistas colaboradores.

segunda-feira, 31 de março de 2014


Gandas malucos...



Como se tiram as fundas aos toiros...

Paco Velasquez tomou a alternativa...

Triunfo de Peseiro e da ganadaria Cochicho em HUELVA...



O público presente pediu e foi concedida uma orelha para Diogo Peseiro, depois de uma faena valorosa..

Corrida de Salvaterra adiada para 6 de Abril..

Lea Vicens apoderada em Portugal por P. P. de Carvalho...


Paulo Pessoa de Carvalho é o apoderado da promissora rejoneadora Francesa Lea Vicens, em Portugal...

Sexo na raça brava...

Veja como se afeitam os toiros para as corridas de rejoneio...

Veja como se enfundam os toiros...

sábado, 29 de março de 2014

quinta-feira, 27 de março de 2014

A Propósito do Comunicado ATCT - Legalidade, ética, abuso de poder, coação e cagaço....

 Legalidade, ética, abuso de poder, coação e cagaço....

Abuso de Poder

LEGALIDADE E`´ETICA - A legalidade sem ética fica castrada. Legalidade é um atributo jurídico de qualquer ato humano ou pessoa jurídica que indica se é ou não contrário à lei, se está ou não dentro do permitido pelo sistema jurídico, seja expressamente ou implicitamente, enquanto que a ética está relacionada á cultura, aos costumes e é intrínseca de cada sociedade, ou seja, cada uma tem seus próprios referenciais de moral, e a ética é a moralidade que está relacionada ao cumprimento destas regras morais ( não mentir, não trair, não abusar dos mais fracos... etc). A  legalidade relaciona ao que é definido em lei (legal) que muitas vezes não coincide com o que é moral ou ético!!! por isso ouvimos algumas vezes "é legal, mas é imoral".

ABUSO DE PODER - É o acto ou efeito de impôr a vontade de um sobre a de outro, tendo por base o exercício do poder, mesmo considerando as leis vigentes. O abuso de poder pode se dar em diversos níveis de poder, desde o doméstico entre os membros de uma mesma família, até aos níveis mais abrangentes. O poder exercido pode ser o económico, político ou qualquer outra forma a partir da qual um indivíduo ou coletividade têm influência directa sobre outros. O abuso caracteriza-se pelo uso legal mas coercivo deste poder para atingir um determinado fim. O expoente máximo do abuso do poder é a submissão de outrem.

COAÇÂO - É o exigir com ameaças de modo a provocar medo, constrangimento ou inquietação, de modo a limitar a liberdade de determinação da vítima.
Assim, para haver coação, não basta qualquer ameaça que inflija temor à vítima. A mera pressão psicológica não é uma coação criminosa, mas a ameaça tem de ser condenada pela sociedade por constrangir a vontade da vítima.

CAGAÇO - (medo, desvalor, comoção)..., é muitas vezes o resultado da coação que resulta do abuso de poder. 
..
Pelo exposto, é fácil concluir que, a ética, o abuso de poder, a coação e o cagaço, estão presentes na imposição de pagar á PRÓTOIRO, porque todos sabemos que há toureiros e empresas que não estão de acordo, para já não falar de aficionados que nem sabem o que é a PRÓTOIRO tal é a importância do trabalho desenvolvido por esta.

Por um Capricho acabou a Corrida FARPAS, de prestigio incontornável no Centro e Norte, por uma imposição arbitrária pode-se perder a oportunidade de dar uma corrida em CASCAIS, numa terra onde o Presidente é ANTI, e onde não há corridas há 19 anos...

Assim vai a nossa FESTA !!!

NOTA : Podem afirmar que o acto resultou de uma decisão democrática, mas atenção que a democracia só é válida quando não interfere com a liberdade dos outros...


Mudo ????


Comentário ao comunicado da ATCT...

A FESTA - Despotismo? Não !!!


Se ainda houvesse um despotismo iluminado que levasse reformas por diante que visassem acelerar o processo de modernização da tauromaquia, ainda vá que não vá, agora quando o despotismo tem como objectivo a auto promoção a fim de enfraquecer os que não são carreiristas, então tem que ser veemente condenado.

Procurei saber em França e Espanha se havia paralelo nesses Países com a situação Portuguesa em relação ao que se passa com a tentativa de obrigatoriedade de prestações pecuniárias para com associações de defesa da FESTA como se pretende para a Prótoiro, ainda por cima em ano de crise. Em nenhum desses Países há profissionais de defesa da FESTA, mas sim pessoas bem intensionadas que por amor á causa, trabalham e mostram resultados.
Li há dias que esse dinheiro que querem descontar para a Prótoiro, tem em vista fazer face ás despesas com contactos com deputados, ri-me pelo ridiculo da situação. Levou-me a pensar que poderiam disponibilizar a "massa" para comprar votos, só pode...
Nem o governo, que é o que é, se lembraria de tal imposição...
Já imginaram se todas as Associações de defesa da "Festa" resolvessem impor um imposto para as suas despesas ???'
Haverá alguém que concorde com isto ??? Eu penso que só concordarão os que mamam....

Descontar para o sindicato ou para o Fundo de Assistência, embora não  sendo obrigatório, tem a sua razão de ser. Agora p'rá Prótoiro... Não faz o minímo sentido. Vão trabalhar, e mostrem trabalho não copiado, que é o que não têm feito...

Grupo de Lisboa de luto...

Foto
Manolo com os amigos Casaca e Marujo...


Morreu o antigo Forcado do Grupo de Lisboa Manuel Rodrigues, conhecido no meio por Manolo, de forma súbita.
Á familia enlutada, em especial ao seu filho também ele antigo forcado do grupo, enviamos os mais sentidos pesames. 

O velório realiza-se na igreija de Alcacer ( por trás do mercado), donde sairá o funeral amanhã ás 10horas.

Comunicado da ATCT.... Comentaemos hoje á tarde...

Foto: COMUNICADO:

Face aos últimos desenvolvimentos e aparentes imposições recentemente estabelecidas na Tauromaquia Portuguesa, cabe à Associação de Tradições e Cultura Tauromáquica, esclarecer alguns pontos, por forma a atingir o objectivo de transparência assumido, desde sempre, para com os seus Associados em particular, e para com todos os aficionados e Agentes da Festa, no geral: 

Em Portugal, tal como mencionado na Constituição da Republica, e até na Convenção Europeia dos Direitos Humanos, a liberdade de associação é um conceito legal que se caracteriza pelo direito que aos homens é oferecido de escolherem com quem se pretendem associar, por forma a cumprir um determinado objectivo. Importa, contudo, reter que, ninguém pode ser obrigado a pertencer a uma associação, tal como, ninguém, pode ser coagido por qualquer meio a permanecer nela.

Rejeitando a Associação de Tradições e Cultura Tauromáquica admitir o seu trabalho como redundante, esvaziando, simultaneamente, caso o fizéssemos, a própria Associação de conteúdo, uma vez que também somos, quer se queira ou não, uma associação de defesa, promoção e divulgação da Festa Brava, e recusando a ATCT integrar, por imposição, um sistema “associativo” em pirâmide, tendendo ao corporativo, e que, pela sua nula participação de aficionados, caminha a passos largos para presa fácil dos grupos de pressão anti-taurinos, vimos esclarecer o seguinte, e relativamente à corrida que a ATCT levará a cabo em Cascais no dia 19 de Julho do presente ano:

a) – A ATCT assume, e assumirá, sempre, as suas obrigações e contribuições esperadas para a defesa da Festa Brava em Portugal, desde que as mesmas se nos apresentem de forma consistente, válida, e onde nos nasça da vontade e identificação com o projecto, ao invés da mera imposição;

b) – A ATCT cumprirá integralmente com as suas obrigações para com a Associação Portuguesa de Empresários Taurinos, à qual apresentará a sua candidatura como promotora de espectáculos;

c) – A ATCT cumprirá escrupulosamente todas as suas contribuições para com o Fundo de Assistência dos Toureiros Portugueses, obra à qual reconhecemos todo o mérito e oportunidade;

d) – A ATCT não efectuará nenhum outro desconto, ou contribuição, para nenhuma outra entidade à qual não esteja legalmente obrigada;

e) – A ATCT encontra-se, neste momento, a travar a batalha que lhe foi imposta por forma a poder devolver aos aficionados o direito de assistir a uma corrida de toiros em Cascais. É esse o nosso objectivo, e não pretendemos, como será compreensível, afastar-nos do propósito inicial nem, tão pouco, abrir novas frentes de batalha. No entanto, todas as tentativas de boicote, imposição, pressão, ou que possam consubstanciar um entrave injustificado do direito á livre iniciativa empresarial, serão tratadas, sem contemplações, em sede própria;

A bem da Festa Brava,

A Direcção da ATCT


COMUNICADO:


Face aos últimos desenvolvimentos e aparentes imposições recentemente estabelecidas na Tauromaquia Portuguesa, cabe à Associação de Tradições e Cultura Tauromáquica, esclarecer alguns pontos, por forma a atingir o objectivo de transparência assumido, desde sempre, para com os seus Associados em particular, e para com todos os aficionados e Agentes da Festa, no geral:

Em Portugal, tal como mencionado na Constituição da Republica, e até na Convenção Europeia dos ...Direitos Humanos, a liberdade de associação é um conceito legal que se caracteriza pelo direito que aos homens é oferecido de escolherem com quem se pretendem associar, por forma a cumprir um determinado objectivo. Importa, contudo, reter que, ninguém pode ser obrigado a pertencer a uma associação, tal como, ninguém, pode ser coagido por qualquer meio a permanecer nela.

Rejeitando a Associação de Tradições e Cultura Tauromáquica admitir o seu trabalho como redundante, esvaziando, simultaneamente, caso o fizéssemos, a própria Associação de conteúdo, uma vez que também somos, quer se queira ou não, uma associação de defesa, promoção e divulgação da Festa Brava, e recusando a ATCT integrar, por imposição, um sistema “associativo” em pirâmide, tendendo ao corporativo, e que, pela sua nula participação de aficionados, caminha a passos largos para presa fácil dos grupos de pressão anti-taurinos, vimos esclarecer o seguinte, e relativamente à corrida que a ATCT levará a cabo em Cascais no dia 19 de Julho do presente ano:

a) – A ATCT assume, e assumirá, sempre, as suas obrigações e contribuições esperadas para a defesa da Festa Brava em Portugal, desde que as mesmas se nos apresentem de forma consistente, válida, e onde nos nasça da vontade e identificação com o projecto, ao invés da mera imposição;

b) – A ATCT cumprirá integralmente com as suas obrigações para com a Associação Portuguesa de Empresários Taurinos, à qual apresentará a sua candidatura como promotora de espectáculos;

c) – A ATCT cumprirá escrupulosamente todas as suas contribuições para com o Fundo de Assistência dos Toureiros Portugueses, obra à qual reconhecemos todo o mérito e oportunidade;

d) – A ATCT não efectuará nenhum outro desconto, ou contribuição, para nenhuma outra entidade à qual não esteja legalmente obrigada;

e) – A ATCT encontra-se, neste momento, a travar a batalha que lhe foi imposta por forma a poder devolver aos aficionados o direito de assistir a uma corrida de toiros em Cascais. É esse o nosso objectivo, e não pretendemos, como será compreensível, afastar-nos do propósito inicial nem, tão pouco, abrir novas frentes de batalha. No entanto, todas as tentativas de boicote, imposição, pressão, ou que possam consubstanciar um entrave injustificado do direito á livre iniciativa empresarial, serão tratadas, sem contemplações, em sede própria;

A bem da Festa Brava,

A Direcção da ATCT

quarta-feira, 26 de março de 2014



Isto é brincar...


Estreia de uma ganadaria - Grande aliciante Domingo em Salvaterra...

Estreia da Ganadaria Alves Inácio....



José António Alves Inácio é um aficionado de primeirissima água. Tive o prazer de o conhecer há muitos anos, quando juntos nos fardámos no Grupo do Ribatejo á época capitaneado por Rui Barreiros.
Conhecendo-o como conheço, e sabendo o empenho que põe em tudo o que fez na vida ( Raidista, Forcado, Atirador...) a sua ganadaria tem tudo para ser mais um sucesso.

Sorte amigo Zé António...


Ventura começa 2014 ao nivel de 2013...

Diego Ventura em grande...


Com os triunfos nas feiras de Valencia e Castellon, bem como em todos os acotecimentos taurinos em que já participou esta temporada, Diego Ventura segue na velocidade de cruzeiro que fez dele o principal triufador de 2013.

Tertúlia AEMINIUM vai a Sevilha convidada pela Ass. Aficionados práticos...



Depois da visita que a Tertulia Conimbricense AEMINIUM recebeu no ano passado da Associação dos aficionados práticos de Sevilha, é com muita honra que retribuímos essa visita no próximo Fim de Semana.

(Veja o Programa elaborado pela Organização Sevilhana)



II Intercambio Taurino-Cultural entre Portugal y España




El Excmo. Ayto. de Almadén de la Plata y la Asociación Aficionados Prácticos Taurinos de Sevilla, cumpliendo con su compromiso de realizar actividades excepcionales y atractivas durante el año, realizará el próximo fin de semana, concretamente los días 29 y 30, una actividad de intercambio taurino-cultural entre Portugal y España.



El año pasado, nuestros amigos portugueses, la Tertúlia Tauromáquica Aeminium de Coimbra (Portugal), nos invitaron a su país un fin de semana, mostrándonos la riqueza de matices taurinos que atesoran y, este año, no queríamos dejar escapar la ocasión y aprovechar para devolverles tan magnífico recibimiento y acogida. También nos acompañarán y deleitarán con su toreo, la entidad de Arganda del Rey (Madrid), Aficionados Taurinos Sin Ánimo de Lucro, que muy gentilmente han aceptado nuestra invitación.

La programación es la siguiente:

* Sábado 29 de marzo.
o Por la mañana (entre las 10 y 13 horas aproximadamente):
* Visita a una ganadería (por concretar).
o 13:30 horas.
* Acto de inauguración, presidiendo el acto el Sr. Alcalde del Excmo. Ayto. de Almadén de la Plata (Sevilla), D. José Luis Vidal Ortiz, y el Concejal de Participación Ciudadana y Coordinación de Distritos del Excmo. Ayto. de Sevilla, D. Beltrán Pérez García; y como miembros del comité organizador y participantes, el Presidente de la Tertúlia Tauromáquica Aeminium de Coimbra (Portugal), D. José Portela; el Presidente de la entidad Aficionados Taurinos Sin Ánimo de Lucro de Arganda del Rey (Madrid), D. Ramón García Aragón; y el Presidente de la Asociación de Aficionados Prácticos Taurinos de Sevilla, D. José Mª Ramos Díaz.
Salón de actos del Complejo Cultural de Almadén de la Plata.
o 14:30 horas.
* Comida de convivencia entre la organización (Excmo. Ayto. de Almadén de la Plata), las entidades participantes y personalidades taurinas.
Lugar: “Hostal-Restaurante Casa Concha”.
o 16:00 horas.
* Mesa redonda: “El Aficionado Práctico”.
Compuesta por profesionales taurinos (un matador de toros o novillero, un picador, un veterinario, un ganadero), un aficionado práctico, un forcado y un recortador.
Presidirá la mesa el Alcalde del Excmo. Ayto. de Almadén de la Plata, D. José Luis Vidal Ortiz.
Salón de actos del Complejo Cultural de Almadén de la Plata.
o 17:30 horas.
* Tentadero de dos vacas, en la plaza de toros de Almadén de la Plata, por aficionados prácticos de Sevilla, Arganda del Rey y Portugal.
* Exhibición de Recortadores en la plaza de toros de Almadén de la Plata.
* Exhibición de Forcados en la plaza de Almadén de la Plata.
o 22:00 horas.
* Cena de convivencia y música en directo.
Lugar: “Restaurante La Muralla”.
o Alojamiento en Almadén de la Plata.
* Domingo 30 de marzo.
o 11:30 horas.
* Tentadero de dos vacas, en la plaza de toros de Almadén de la Plata, por aficionados prácticos de Sevilla, Arganda del Rey y Portugal.
* Exhibición de Recortadores en la plaza de toros de Almadén de la Plata.
* Exhibición de Forcados en la plaza de Almadén de la Plata.
o 13:30 horas.
* Acto de clausura. Plaza de toros de Almadén de la Plata.


Agradecer la presencia y colaboración de:

Excmo. Ayto. de Almadén de la Plata.
Excmo. Ayto. de Sevilla.
Tertúlia Tauromáquica Aeminium, de Coimbra (Portugal).
Aficionados Taurinos Sin Ánimo de Lucro, de Arganda del Rey (Madrid).
Grupo de Forcados, de Coimbra (Portugal).
Grupo de Recortadores andaluces (El Sur a Cuerpo Limpio).
Profesionales y Personalidades Taurinas.

Cabeço de Vide - Aula prática de toureio...

Demonstração de toureio ao mais alto nível, só em Cabeço de Vide…







Mais uma vez, o presidente Rogério Silva e a vereação do município de Fronteira estiveram presentes na praça de toiros de Cabeço de Vide para in loco assistirem as demonstrações de toureio que ali decorreram, perante um magnífico tempo a lembrar que já é primavera.

Cedo começou o dia com a escola José Falcão de Vila Franca de Xira a apresentar os seus pupilos sob o comando do matador António João Ferreira e os jovens novilheiros Pedro Noronha e João Martins e os bezerristas Gonçalo Tavares, Rui Regateiro e João Rufino a mostrarem que a arte de montes ainda tem os seus seguidores.

Já após o almoço o toureio a cavalo com a apresentação do jovem Ricardo Cravidão e as pegas a cargo dos forcados juvenis de Cabeço de Vide, demonstrando a irreverencia da juventude. Lidaram-se reses de Proenças Herdeiros e João Buinho.

E com contentamento de todos os aficionados ficou a certeza que para o ano continuará a divulgação da tauromaquia e a ser fomentada na juventude.

Fim de semana taurino de Cabeço de Vide - Colóquio...

Colóquio - CONCEITO E TÉCNICAS DA ARTE DE PEGAR TOIROS EM COLÓQUIO  




Com casa cheia decorreu a primeira iniciativa do Fim de Semana taurino promovido pelo Município de Fronteira, sob a égide das técnicas e conceitos na arte de pagar toiros. Debate soberbamente moderado pelo Dr. Vasco Lucas, que contou com a presença de Simão Comenda, Tiago Prestes, José Luís Gomes, Dr. José Manuel Pires da Costa e Dr. Manuel Mata.

Durante o coloquio fez-se uma resenha da origem dos forcados, bem como das várias sortes de pegar, sendo ainda realçado qual o papel e perfil do cabo. O colóquio decorreu com a intervenção de alguns dos assistentes, com enfase no antigo forcado João Romão Tavares.

DIOGO PESEIRO APURADO PARA A SEGUNDA FASE DO BOLSIN TAURINO DE ZAMORA...

O TRABALHO DA ACADEMIA DO CAMPO PEQUENO ESTÁ À VISTA...


Diogo Peseiro, aluno da Academia de Toureio do Campo Pequeno, foi apurado para a segunda fase do Bolsin Taurino de Zamora, que decorrerá dia 30 de Março, em Villalpando, com reses da ganadaria dos Irmãos Boyano de Paz, anunciou o site http://www.forotaurinodezamora.es.

Novos Valores: Diogo Peseiro

Diogo Peseiro participou com Sérgio Nunes, na primeira eliminatória do Bolsin, realizada sábado 22, exibindo-se a um nível elevado, que lhe permitiu o apuramento para a próxima eliminatória.

Sérgio Nunes exibiu-se também a bom nível, sobretudo levando em linha de conta que se encontra num estádio de aprendizagem menos desenvolvido que o seu colega e, por essa razão, não foi apurado para a fase seguinte.

Participam neste bolsín, que se caracteriza pelo alto nível técnico e artístico, alunos de escolas de toureio de vários pontos de Espanha

terça-feira, 25 de março de 2014


Para quem gosta de Mr. BEAN....


Há que ter em atenção os nichos de mercado do mundo do toiro...


É fundamental calibrar o público alvo...

O seu publico alvo está na internet, independente de qual seja o seu negócio


Quando se monta uma corrida, a primeira coisa a ter em conta é estudar qual é o público alvo. Ninguém pensa montar uma feira em vila Franca ou Coruche sem algum toureiro da familia Telles, do mesmo modo que ninguém pensa numa corrida em Elvas sem Bastinhas ou sem Mouras ou Moura Caetano, ou em Salvaterra sem Ana Batista, ou em Alcochete Montijo e Moita sem Manuel Lupi, em Almeirim sem Salgueiros, etc. Na mesma linha de raciocinio afirmamos com certeza, que as corridas do norte devem ter um Bastinhas e a Sónia Matias ou a  Ana Batista, dado o mediatismo destes artistas. Toureiros há, que estando num momento extraordinário pouco dizem ao grande público Nortenho menos informado que o grande público do Sul.

A propósito destes considerandos sobre o público alvo e sobre os nichos de mercado, veio-me á ideia o seguinte :
Ao passar pelas estradas do nosso País, encontramos hoje dezenas de DANCETERIAS casas de diversão para homens e mulheres menos jovens ( há quem lhe chame de Bailes das velhas, designação muito feia no meu entender), e casas de "setrip". Pensei nos nomes que fui encontrando em publicidade luminosa e cheguei á conclusão que tudo foi pensado ao mais pequeno detalhe. Na época passada quando ía a caminho de VINHAIS, encontrei perto de Viseu a "Churrasqueira Strip Club", entrei e concluí que de facto é muito mais agradável estar a comer frangos á mão e a beber umas minis, enquanto as meninas se despem rodopiando agarradas ao varão, do que assistir ao strep com um gin á frente.

Encontrei outra casa perto de Coimbra cujo nome é "A  Cabra Esgalhada - strip", achei o nome interessante e sugestivo, já por exemplo a " Danceteria Principe encantado" é um nome só sugestivo para mulheres e afins.... para homens nem tanto... digo eu...
No Domingo passado encontrei perto de Marinhais " O ASSADOR Danceteria café Snach bar" o que me pareceu um exagero, tal como não compreendi a mensagem do logotipo que tem um galo e um casal a dançar tango como podem ver na imagem em baixo.


Não há muito tempo fui por sugestão de um amigo á danceteria "PARAÍSO" aqui a 4 KM de minha casa onde o consumo minimo é de 10 euros e dá direito a uma sopa de feijão, bem gostosa por sinal, sendo que as bebidas são extra... Efectivamente a ideia não pode ser melhor atendendo ao úblico alvo. Debruçei-me sobre a ideia e cocluí que se fosse uma discoteca para jovens, a sopa teria que ser substituída por Hamburger's..., para dar aos clientes o que les gostam.

Resumindo : Temos que oferecer ao comsumidor aquilo que ele gosta e quer...

Mais nomes sugestivos de Danceterias e casas de setrip :

Boa Chicha strip clube 
Danceteria " se queres vem aquí"
Tá quente - danceteria
 Casa de strip "aqui há do bom

Como vêm a imaginação não tem limites...   

Santarém no Domigo passado - Corrida dura...


Antes de mais nada, há que louvar a seriedade de João Pedro Bolota, que na vespera da corrida (6ª feira) podia ter adiado a corrida devido ao mau tempo e não o fez.

A corrida em si desenrolou-se numma temperatura fria, com um terço da lotação preenchida, e os toiros puseram os problemas esperados.
Destaque para alguns ferros de valor de Rui Salvador e Duarte Pinto e para uma actuação conseguida de Rouxinol.
A Jovem Mara Pimenta que toureou um novilho Passanha sem os problemas dos "Prudêncios", da qual vimos a apresentação em público na Garraiada da Queima das fitas de Coimbra há dois anos, mostrou uma evolução considerável.

Os consagrados Grupos de Santarém e Montemor, tiveram uma tarde dura que resolveram com clarividência honrando assim o seu Historial...

João Moura Caetano domingo de Páscoa em GAROVILLA...


João Moura Caetano toureia Domingo de páscoa em GARROVILLA - Espanha, Provincia de Badajoz...

Vista de La Garrovilla

Garraiada da Queima das Fitas de Coimbra 2014...


Realiza-se no dia 15 de Maio no Coliseu Figueirense como é da tradição, a Garraiada da Queima das Fitas de Coimbra, espectáculo com mais de 100 anos de tradição.
Este ano, tal como nos dois anos anteriores, contará com a participação de um jovem rejoneador Espanhol e ainda com a aliciante presença da jovem Soraia Costa que fará a sua apresentação em público..  

segunda-feira, 24 de março de 2014

domingo, 23 de março de 2014

sábado, 22 de março de 2014


Quem não afinava ???



Palavras de Gaspar Ramos pela morte de Carlos Nobre...

Realiza-se hoje o Funeral de Carlos nobre ás 16,30h da Basilica da Estrela para o Cemitério do Alto de S. João..

 
JoséGaspar Ramos: Definiu assim á Benfica TV o atleta e o amigo:“Carlos Nobre é um homem inesquecível e uma figura ímpar do Rugby nacional. 

“O falecimento de Carlos Nobre representa uma grande perda para o Rugby do Benfica e para o Rugby Nacional, na medida em que foi, fundamentalmente, um homem da modalidade. Tive a felicidade de criar uma amizade e nutria por ele uma estima e consideração muito grandes. O Carlos Nobre é digno de todas as homenagens que lhe possamos prestar. Além de um grande jogador, foi um grande servidor da modalidade e um grande benfiquista. Um homem inesquecível”, recordou, à Benfica TV.







Hoje em Santarém....


A verdade da corrida á Portuguesa...

 

sexta-feira, 21 de março de 2014

O Rugby Nacional está de luto -Morreu Carlos Nobre


Morreu súbitamente esta noite, Carlos Nobre que foi e será uma das grandes referências do rugby português.
Conquistou inúmeros prémios, dentro e fora de campo, mantendo-se sempre com paixão ligado á modalidade e ao clube que sempre amou: o Benfica .
Tinha o Prazer e a honra de ser seu amigo.
Até um dia Carlos, e que nos possamos encontar numa MELÉE no além.
Á familia enlutada enviamos um grande abraço e as mais sentidas condolências.


Quem quer ver TOIROS vai a Santarém...



Toiros com trapio e idade da ganadaria Prudêncio, no Domingo em Santarém, para três toureiros Sérios e os dois grupos mais antigos de Forcados.....


Os toureiros que faltam na temporada do Campo Pequeno...


João Moura Caetano, João Ribeiro Telles Jr. e João Salgeiro da Costa...














 


Parece-me evidente que estes três toureiros estarão na 2ª parte da época 2014 no Campo Pequeno. 


João Moura Caetano, pela maioria considerado máximo triunfador das duas últimas temporadas, não pode faltar, lógicamente...
Se é um dos eleitos de MADRID, não fazia sentido não tourear na primeira praça do seu País.





João Ribeiro Telles Jr., depois da
época extraordinária de 2013, a melhor da sua brilhante carreira é outro dos toureiros que merece tourear em Lisboa.











João Salgueiro da Costa, de quem se espera sempre mais e que rubricou excelente actuação na sua última passagem por esta arena, tamb´m não deve faltar.

Claro que a todas estas razões podem-se sobrepor, questõe económicas e de gestões de carreira...
Esperemos que não para bem da "FESTA",,,